Idosos não serão vacinados na 1ª remessa da vacina em Cuiabá

Nesta quarta-feira (20), primeiro dia de vacinação contra o coronavírus em Cuiabá, alguns idosos compareceram ao Centro de Eventos do Pantanal, na esperança de serem vacinados. No entanto, nessa primeira estava somente profissionais da saúde serão imunizados. Um sistema de agendamento estará disponível , provavelmente, a partir de quinta-feira (21).

Na cerimônia de lançamento da campanha, 7 funcionários da Saúde foram imunizados. Cuiabá recebeu 8.027 vacinas e todas serão aplicadas em quem está na linha de frente no atendimento a doentes de covid. Daqui a 14 dias, esses mesmos trabalhadores receberão a segunda dose, que está armazenada no depósito do Estado.

Apesar dos idosos em abrigos serem do grupo prioritário, as vacinas recebidas são insuficientes para atender a todas as pessoas da lista. Eles serão atendidos após vacinação dos 21 mil funcionários na saúde, assim que Cuiabá receber mais doses.

“Diante do número de vacinas iremos avançar no grupo prioritário dos profissionais da Saúde, da linha de frente. Não podemos fazer distinção. Vamos atender primeiro aqueles que estão colocando sua vida e de sua família em risco. Depois os idosos e assim até que toda a população sejam vacinada”, explicou o prefeito.

O gestor informou que em cerca de 10 dias uma nova remessa de vacina deve chegar a Cuiabá. No entanto, ele já se antecipou está em consulta ao Instituto Fiocruz e Butantan para saber quando poderá adquirir vacinas diretamente com eles. No momento a distribuição é feita somente via Ministério da Saúde, por questão de segurança.

“É importante ressaltar que a vacinação não depende de Cuiabá. Se dependesse do prefeito Emanuel Pinheiro todos os 700 mil cuiabanos seriam vacinados. Por enquanto, nem as vacinas, nem os insumos podemos comprar ainda. É importante orientar os idosos, pois, de acordo com o número de vacinas, o grupo prioritário são os servidores da saúde. Logo depois, assim que vier mais doses, idosos acima de 80 anos, acima de 75 anos, acima de 60 anos, institucionalizados, trabalhadores da educação, trabalhadores do transporte coletivo”, esclareceu o prefeito.

Pinheiro destaca que as medidas de biossegurança devem ser mantidas para se evitar a proliferação da doença. O início da vacinação não garante o fim da pandemia nesse momento e quem tomar a primeira dose ainda não está imune a covid.

O prefeito informa que por medidas de segurança para evitar aglomeração, as vacinas serão aplicadas mediante

agendamento. O cadastro será feito via site da Prefeitura e estará disponível a partir de quinta-feira. O sistema ainda está sendo finalizado para garantir segurança em sua aplicação.

Nesse sistema, que no primeiro momento receberá apenas cadastros dos profissionais de saúde, as pessoas irão preencher os dados pessoais (RG, CPF, cartão SUS) para receber uma senha com data e horário para comparecer ao Centro de Eventos do Pantanal, local onde está centralizada a vacinação. A medida é uma forma de evitar aglomerações e grandes filas no local.

Fonte: gazetadigital

Autor: Jessica Bachega Foto Chico Ferreira

Kauzz

Sou blogueiro, twiteiro, vlogueiro, youtuber, biólogo, social media e podcaster. Vivo buscando conhecimento e informação nesse mundo caótico, ao lado da minha morena.

Deixe uma resposta