Influencer passa cola para fixar cabelos e precisa de cirurgia para tirar

Passar cola no cabelo é uma típica ideia de uma criança curiosa. Mas dessa vez aconteceu com uma mulher adulta. A norte-americana Tessica Brown precisava de algum produto fixador para finalizar o seu penteado, pois o spray de cabelo tinha acabado. Então, ela pensou que uma cola em spray fosse uma ótima ideia.

Tessica achou que a cola iria sair do cabelo com a mesma facilidade que um spray fixador. Sendo assim, ela não economizou na cola, aplicando no cabelo inteiro. Na hora de remover, veio o desespero: depois de várias tentativas, a única solução era ir para o hospital.

A jovem chegou a fazer um vídeo para alertar as pessoas sobre a péssima ideia de aplicar esse tipo de cola no cabelo. “Meu cabelo está assim há cerca de um mês, não é minha escolha. […] Foi uma ideia muito, muito, muito ruim. Gente, meu cabelo não se move. Não se move! Eu lavei meu cabelo quinze vezes e ele não se move!”

Antes de se submeter a um procedimento cirúrgico para remoção da cola, Tessica pediu dicas aos seus seguidores e recebeu várias, com diferentes tipos de produtos que pudesse amolecer a cola, como dormir com óleo de coco e de melaleuca na cabeça. Mas, sem sucesso.

Depois de tanto tempo com o cabelo preso e repuxando, causando muita dor, a jovem chegou a cortar sua enorme trança na tentativa de aliviar a pressão no couro cabeludo. Mesmo quando ela foi ao pronto-socorro, nada que os médicos e enfermeiros usaram foi capaz de dissolver a cola.

Os seguidores chegaram a organizar uma campanha de arrecadação de dinheiro para que Tessica pudesse fazer uma cirurgia que custaria mais de 12 mil dólares. Foi aí que o cirurgião Michael Obeng entrou em cena, oferecendo-se para operar Tessica de graça.

De acordo com as informações do portal TMZ, que acompanhou a história de perto, Tessica foi para Los Angeles fazer a cirurgia que teve quatro horas de duração. Apesar do trabalho, o médico contou qual foi a solução encontrada: “Eu pesquisei a composição, e o ativo principal da Gorilla Glue (tipo de cola usada no cabelo de Tessica) é o poliuretano. Nós entendemos a ciência de como decompor isso […] e trouxemos substâncias que têm componentes capazes de dissolvê-lo”, disse ele.

Então Dr. Michael preparou a mistura solvente, composta por produtos sintéticos e naturais, e aplicou no cabelo de Tessica. Aos poucos a cola foi se soltando e o médico foi removendo com ajuda de instrumentos próprios.

Por fim, o médico deixou um alerta: “Ela tem muita, muita sorte de não ter sofrido muitas lesões no couro cabeludo. Esse tipo de situação não é uma brincadeira, ok? Lesões na cabeça, uma rigidez que pressiona o couro cabeludo todos os dias. Não dá para dormir. […] Ela passou por muita coisa e eu espero que vocês aprendam com a situação da Tessica”.

Fonte: Dicas OnLine

Kauzz

Sou blogueiro, twiteiro, vlogueiro, youtuber, biólogo, social media e podcaster. Vivo buscando conhecimento e informação nesse mundo caótico, ao lado da minha morena.

Deixe uma resposta