Sobre o CoronaVac distribuído no Brasil

Se você se ofendeu, clica AQUI

Desde março de 2020, o mundo está passando por um momento difícil, onde uns se cuidam demais e os outros de menos. O coronavírus (Covid-19 ou Sars-cov-2) chegou no mundo fazendo o mesmo virar de pernas para cima e sacaneou a economia de quatro, já são mais de 2 milhões de mortos no mundo e o nosso querido presidente Solnorabo ainda confirma que é só uma gripezinha e é mesmo. Depois de quase um ano, o Bum Bum Tam Tam resolveu fazer uma vacina contra o coronavírus, e a primeira pessoa a testar a vacina foi uma merdalher e não virou jacaré.

O Brasil já havia encomendado vacinas da Índia, porém, eles são muito mão de vaca e resolveram não dar porra nenhuma pra nós. O governador do estado de São Paulo, Dória, inimigo político do Bozo antes amiguinhos viu nisso uma oportunidade e insistiu para que comprassem vacina da China, para a República dos Bandeirantes se sair na frente do Governo Foderal, mas Solnorabo que não é burro nem nada, disse que isso seria impossível pois quem tomasse falaria chinês pra sempre e viraria um morcego.

As vacinações começaram hoje, mas quem pode tomar vacina são: sadboys, presos, comunistas, indígenas, bolsominions e etc. A vacina será entregue em etapas, ou seja, talvez você que é menor de 18 anos ou está fora do grupo de risco nem tome a tal vacina agradeça, vai que você vire um pato. Mais notícias sobre a vacina, consulte o Dória, não eu.

Fonte: Desciclopedia

Kauzz

Sou blogueiro, twiteiro, vlogueiro, youtuber, biólogo, social media e podcaster. Vivo buscando conhecimento e informação nesse mundo caótico, ao lado da minha morena.

One thought on “Sobre o CoronaVac distribuído no Brasil

Deixe um comentário